Primeiro de tudo, paz, sempre!

Um grupo de ciclistas foi pego de surpresa por um caminhoneiro australiano que vinha filmando-os ao longo da estrada. As palavras ditas no vídeo foram “this is why you f******* get f****** killed” (em tradução livre: “É por isso que vocês morrem”), e acabou por se tornar viral nas redes sociais.

O vídeo foi produzido por um cara chamado Charlie Butt’s, e atraiu mais de 150.000 visualizações, mostrando simplesmente que ele se sentiu incomodado ao ultrapassar (leia-se mudar de faixa) um grupo de ciclistas dispostos de 2 a 2.

Dois pontos a se observar é que a lei australiana permite esse tipo de condução por parte dos ciclistas do país, e que na hora da ultrapassagem a pista estava em excelentes condições de tempo e rodagem, além da estrada estar vazia.

Sob a lei estadual, os ciclistas podem andar dois a dois, desde que suas bicicletas não estejam a mais de 1,5 metros de distância. A condução desta forma é recomendada por ativistas de ciclismo, incluindo Edward Hore, presidente da Australian Cycle Alliance.

Só que o feitiço virou contra o feiticeiro!

Ao que tudo parece, Butt está enfrentando uma acusação de que seu vídeo foi filmado de seu smartphone na altura do peito, o que seria proibido segundo as leis de trânsito, enquanto estaria dirigindo seu caminhão de biarticulado.

Butt nega. Disse que estava filmando da sua GoPro fixada no chapéu e que era “provavelmente uma configuração na GoPro” que causou o fato do vídeo ser capturado em um formato vertical.

É mais um exemplo que a guerra no trânsito não é só no nosso país e de que ciclista é alguém “que não tem o que fazer”. Continuemos a fazer um transito mais seguro em nossas vias.

Com base em um artigo do site cyclingweekly.

Deixe logo abaixo o seu comentário