Período de chuva em várias regiões do Brasil e sabe como é. Após um treino, a bike volta limpinha de tanta água pelo caminho, não é? #SQN

Alguns ciclistas não gostam de sujar a bike. Não por “frescura”, preguiça de lavar ou coisas do tipo, mas pelo simples fato de que uma manutenção básica não feita da forma correta pós-treino, pode desencadear um desgaste precoce de várias peças e componentes de sua bike, entre eles, transmissão e suspensão, que são os que mais sofrem com água, terra, lama e poeira. Já outros, carregam consigo lembranças e pedaços de lama na bicicleta daquele pedal por treinos e treinos…

O fato é que com as chuvas, quem curte uma trilha, vira e mexe encontra lama, que será arremessada para cima, e terminará sua trajetória no rosto do sorridente ciclista ou ainda nas suas costas, caso não possua um para lama.

Sem contar que as “canelas” da suspensão serão testadas por vários quilômetros, com areia e agua grudadas que nem unha e carne, gerando mais atrito a cada subida e descida nos seus retentores. Ah, fica aquela beleza!!! #chegaDeDrama

Sabemos que existem vários modelos no mercado, das mais variadas marcas e dos mais variados preços. Mas você também pode produzir um em casa, com simples itens que você achará em qualquer armarinho/papelaria por menos de 10 reais (alguns você tem em casa). Vamos lá:

  • Modelo impresso do para lama em papel A4 (Clique aqui para baixar o Modelo 1 ou Modelo 2);
  • Estilete ou Tesoura;
  • 4 abraçadeiras zip-tie de tamanho médio (conhecido como enforca gato ou tiras de nylon);
  • 1 Folha plástica tamanho A4 (usado para encadernar livros). Escolha a cor de sua preferência;
  • Cola Branca/Fita adesiva

Passo a Passo

Passo 1 – Imprima o molde e  cole-o com a Fita adesiva ou cola branca a folha plástica. Isto é necessário para dar mais segurança e firmeza na hora do corte. Há a possibilidade de passar o lápis ao redor do molde, sinta-se livre para optar pelo método que quiser.

Foto: Paralama para bicicleta

Passo 2 – Caso esteja utilizando um estilete, recomendo cortar o molde sobre uma superfície lisa (ex: mesa com tampo de vidro). Em caso de tesousa (optei por este caminho) é possível fazer o recorte na mão, acompanhando as linhas do molde.

Foto: Paralama para bicicleta

Passo 3 – Recorte os orifícios por onde as tiras de nylon passarão.

Foto: Paralama para bicicleta

Passo 4 – Fixe o para lamas na suspensão dianteira com o auxilio das tiras de nylon, passando-os nos orifícios abertos no passo anterior, e fixando-os nas canelas e na ponte superior da suspensão.

Passo 5  – Apare as tiras com a tesoura, alicate ou outro instrumento de corte e adicione alguns adesivos, se quiser deixar seu para lama personalizado.

Lembrando que ainda há a possibilidade de fazer um para lama para ser pregado junto ao quadro, perto do cambio dianteiro, evitando assim que muita sujeira venha a cair no equipamento. #ficaadica

Não deixe de comentar este artigo!!!!

Esse artigo foi inspirado no site Instructables. Como minhas fotos não ficaram boas, achei por bem utilizar as que estão no site.

Deixe logo abaixo o seu comentário