Após ter ganhado o Tour de France / Vuelta a España em 2017, Chris Froome afirmou em entrevista a uma rádio, de que a pressão só aumenta e que está ciente disto, visto que ainda falta uma grande volta em seu currículo: Giro Da Itália.

Frome comemorando a dobradinha do Tour de France e a Vuelta/2017.
Foto:Unipublic/Photogomez Sport

“Ainda é muito cedo para dizer e é claro que pensamos no Giro algumas vezes. Não vou dizer não ao Giro e manterei a mente aberta para a próxima temporada. Durante o inverno vamos pensar e definir, mas claro que em algum momento eu vou tentar vencer o Giro d’Italia”, explicou Froome.

Froome afirmou que apesar desta pressão aumentar a medida que o tempo passa, o Tour de France, ainda será o seu principal foco no ano de 2018. “Vencer o quinto Tour será meu principal objetivo para o próximo ano e tenho que manter isso em mente”, afirmou.

 

“Preciso ver as rotas do Giro, do Tour e da Vuelta e, baseado nisso, tomar minhas decisões. Correr as três seria um desafio absurdo. Você precisa de muita preparação e atenção incrível aos detalhes até para tentar algo assim”, finalizou.

Vamos ver como será o ano de 2018.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe logo abaixo o seu comentário