Olá Pessoal,

Pra quem não conhece o Festival Brasil Ride Botucatu, tem agora a oportunidade de conhecer. É um belo evento!

O que me impressionou na nota abaixo (retirada do site do evento) é o valor gerado diretamente e indiretamente com um evento deste porte, para o município e seus moradores.

Precisamos ter cada vez mais eventos deste (sendo de maior ou menor magnitude), espalhados por todo o nordeste, principalmente, pois sabemos da carência e da falta de apoio por falta de iniciativas públicas e privadas frente à quantidade de praticantes que temos.

Após gerar mais de 6 milhões de reais em receita com a participação de 4.200 inscritos na última edição, organização prevê aumento próximo a 20% na da quarta edição do maior evento de esportes outdoor no Brasil

São Paulo (SP) – Como nas últimas edições do Festival Brasil Ride Botucatu, a rotina dos moradores da região da Cuesta Paulista será alterada com a realização do maior evento de esportes outdoor do Brasil. Praticantes de ciclismo, estrada e MTB, e de corrida de montanha, das mais diferentes partes do País, estarão em Botucatu entre 26 e 29 de maio, gerando mais uma vez alto impacto econômico ao município e às demais cidades vizinhas. Após ter no último ano 4.200 participantes, recebendo assim um total de 9.000 pessoas e um valor estimado de mais de 6 milhões em receita, a organização do Festival Brasil Ride prevê o aumento dos números em 2016.

“Faltando menos de duas semanas para a quarta edição do Festival Brasil Ride Botucatu, estimamos que neste ano poderemos chegar à marca de 5.000 inscritos no maior evento de esportes outdoor do País. Desta forma, com um aumento variando entre 15% a 20% no número de participantes, o impacto econômico que atingimos ano passado, ao calcular os valores gastos pelos atletas e seus familiares em hospedagem, alimentação e combustível, também deve subir nesta mesma proporção e chegar próximo a 7 milhões de reais”, define Mario Roma, fundador da Brasil Ride.

Como em 2015, a rede de hotelaria de Botucatu estará 100% lotada durante os quatro dias da competição, entre quinta-feira e domingo. A cerca de um mês do evento, a maior parte dos hotéis e pousadas da cidade já estavam sem vagas disponíveis, cabendo aos ciclistas mais atrasados buscarem hospedagem em cidades vizinhas. “O impacto econômico para a cidade é muito grande. E não apenas para Botucatu, mas para toda a nossa região. O Festival Brasil Ride Botucatu consegue expandir as fronteiras da cidade”, conta o secretário de Esportes, Lazer e Turismo de Botucatu, Antonio Carlos Pereira.

“Com relação à hospedagem, desde o começo de maio a região não tem mais vagas disponíveis para a semana do evento, para abrigar atletas e seus familiares”, revela Pereira. “Não dá para negar que a cidade ganhou muito com a vinda do Festival Brasil Ride para cá. Vários empreendimentos já foram construídos após a vinda de eventos como este, como restaurantes rurais, que recebem nos finais de semana de 300 a 400 pessoas para comer aquela comida típica da região”, complementa o secretário.

Contando com a realização da Prefeitura de Botucatu em parceria com Ministério do Esporte, o Festival teve sua origem no mountain bike, após as primeiras edições da ultramaratona Brasil Ride, na Bahia. E, quem também ganhou com isso, foram os donos de bicicletárias. “Se perguntar para os donos das bike shops, era tudo que eles queriam ter um evento do gênero na cidade. Tivemos sem dúvida um boom de praticantes nos últimos anos”, avalia Antonio Carlos Pereira, que completa:

“O moradores começaram a comprar muitas bicicletas e o cidadão de Botucatu e da região começou a ver que o ato de pedalar ia mais além de uma atividade física saudável, mas também um estilo de vida. De segunda a segunda as pessoas pedalam pelas estradas e trilhas locais. Começa com um casal, depois mais amigos vão se juntando e em seguida formam-se grandes grupos de pedal. Há uma infinidade de gente pedalando na região da Cuesta Paulista. E tudo isso é graças ao movimento do Festival Brasil Ride Botucatu”, finaliza.

Inscrições – Os interessados em participar da quarta edição do Festival Brasil Ride Botucatu devem acessar o endereço – http://www.romasportsmkt.com.br/ – onde há a programação completa do evento. Cada uma das atividades, sejam as provas de bike ou corrida de montanha, têm um link individual com os dizeres “Clique aqui e inscreva-se!” para que realize-se a inscrição.

Programação do Festival:

Dia 26 (quinta-feira)
9h – Largada Road Brasil Ride
15h – Largada Warm Up Brasil Ride Pró – Dia 1

Dia 27 (sexta-feira)
10h – Largada Warm Up Brasil Ride Pró – Dia 2
16h – Início do Ciclo de Palestras

Dia 28 (sábado)
8h – Largada Warm Up Brasil Ride Pró – Dia 3
10h – Largada Warm Up Brasil Ride Sport
10h – Inscrição Corrida Kids Bike
11h – Largada Corrida Kids Bike

Dia 29 (domingo)
8h30 – Início do Passeio Ciclístico
9h – Trail Run Brasil Ride Pró
10h – Trail Run Brasil Ride Sport

Mais informações:
Site: www.http://romasportsmkt.com.br/warmup/botucatuMTBXCM/
Fan page: www.facebook.com/BRASILRIDE?fref=ts
Twitter: twitter.com/brasil_ride
Instagram: @brasilride

Fonte: romasportsmkt

COMPARTILHAR
Artigo anteriorBenefícios da água de coco
Próximo artigoVídeo | Ônibus da Equipe de Ciclismo Movistar
Filipe
Entusiasta e "praticador" de esportes. Aprendeu a nadar ainda criança e descobriu o ciclismo graças ao pai, que ainda cedo o levava para passear na cidade. Desde então, sempre que pode, dá uma voltinha de bicicleta.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe logo abaixo o seu comentário