O Site GCN fez um vídeo dando várias dicas de como pedalar melhor na subida, fazer uma subida mais profissional, sem se desgastar tanto. Afinal de contas, como já disse em alguns posts, o negócio não é simplesmente subir na magrela e sair por ai se achando o mega-power-ultra-blaster ciclista deixando rastro de fogo pelo asfalto.

Dicas estas que servem tanto para quem já pedala a algum tempo, como para quem ta engatinhando. Apesar de eu já ter um tempo considerável de pedal, ainda tenho muito a aprender.

Lembrando que pra quem não sabe inglês (o vídeo é legendado), ainda tem a opção de nas configurações do vídeo a tradução para nossa língua. (clica ai na “catraquinha” no vídeo, depois em “legenda”, e por fim em “português”). Se seu tempo tiver curto, coloquei as dicas logo abaixo do vídeo.

Em uma tradução livre:

Como pedalar melhor na subida
1 – Em primeiro lugar, e o mais importante, a maneira mais eficaz de se fazer uma subida, é trabalha-la de forma que seja bem agradável para você. (Acho que a intenção com esta frase, é que independentemente das dicas deles, cada um vai ter seu ritmo, e isto é o mais importante).

2 – Não de o seu gás logo no início, com pulmões em pleno vapor e pernas queimando, mas sim dentro de uma cadência.

3 – Comece devagar, entrando devagar em um ritmo, e então a partir deste ponto, aumente a velocidade de cadência. Isto vale para subidas longas. As curtas, arroche o nó.

4 – Sobre realizar a subida em pé ou sentado, eles dizem que realmente não importa, mas que caso opte por pedalar sentado, que durante a subida, em alguns momento levante para aliviar a pressão na parte traseira ou mesmo para esticar as pernas.

5 – Sobre qual marcha escolher? Novamente a que você se sentir mais confortável. Vá no seu passo, no seu ritmo. Pessoas mais novas no ciclismo tendem a colocar marchas mais pesadas para tentar fazer a escalada mais agressiva. Desta forma, podem se cansar rapidamente e perder rendimento ao longo da subida e do pedal. Vá com calma! 80 rotações por minuto, pode ser um bom ciclo.

Girar acima disto necessitará de mais prática e eficiência para não perder tanta energia. Dica: Treine subidas!

Gostou? Deixe seu comentário abaixo.

Estamos também nas redes sociais (clique para ir a uma delas):
Facebook Instagram Youtube Flickr

SEM COMENTÁRIOS

Deixe logo abaixo o seu comentário