O tretacampeão do Tour de France, Chris Froome, foi pego no exame antidoping. A substância encontrada chama-se Salbutamol, e é usada contra a asma. O exame foi realizado na Vuelta 2017, competição em que ele venceu.

Frome comemorando a dobradinha do Tour de France e a Vuelta/2017.
Foto:Unipublic/Photogomez Sport

A entidade informou, porém, que a natureza da substância não implica em uma suspensão provisória do ciclista de 32 anos, que disse ter apresentado “sintomas de asma agudos” na última semana da Volta da Espanha e que, por isso, sob orientação médica, aumentou o uso de Salbutamol.

“É bem conhecido que tenho asma e conheço exatamente quais são as regras”, disse o cliclista. “Uso um inalador para controlar meus sintomas (sempre dentro dos limites permitidos) e sei com certeza que serei submetido a exames todos os dias que ficar com a camisa de líder da prova”, afirmou.

“Minha asma piorou durante a Volta, assim segui a recomendação do médico de aumentar a dose de Salbutamol. Como sempre, fui cuidadoso para assegurar que não usava uma dose maior que a permitida”, acrescentou.

Froome, venceu “apenas” quatro edições do Tour de France (2013, 2015, 2016, 2017), e neste ano a Vuelta 2017, fazendo uma dobradinha que desde de 1978 não era feita. Para 2018, ele já anunciou que deseja participar do Giro D’ Itália, competição que ainda não venceu.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe logo abaixo o seu comentário